terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

O Fim da Padronização carioca e os outros estados do Sudeste

Quando Eduardo Paes quis padronizar os ônibus do Rio, demonstrou de forma sub-entendida, a vontade de se integrar com o resto das capitais do Sudeste, todas com sistema de pintura padronizada, descartando de vez a diversidade visual que além de embelezar o sistema, serve para que os passageiros conheçam as empresas que operam em suas cidades.

Com o anunciado possível fim da padronização carioca, vamos nesta postagem falar sobre as outras capitais e regiões metropolitanas, que provavelmente não cancelarão as suas padronizações, mas por diferentes motivos. Vamos lá.

Grande São Paulo

Com chances quase totais de manter a sua padronização, pois além de cancelar há mais tempo a diversidade visual de sua frota de ônibus, o fez com base em sua fonte de inspiração, o sistema de Curitiba. Eu falei quase totais e não totais. A possibilidade de cancelar a padronização é remota, mas não é nula.

Houve recentemente um anúncio de que São Paulo iria trocar o sistema de consórcios pelo sistema de lotes, como acontece em Salvador. Mas nada foi falado depois do anúncio e ficamos sem saber sobre isso. Até segunda ordem, a padronização será mantida, não dependendo da influência do Rio de Janeiro e sim de Curitiba para algo poder ser alterado.

Grande Belo Horizonte

Caso parecido com São Paulo, também deve ficar na mesma. Influenciada também por Curitiba e adotando a padronização quase simultaneamente com São Paulo, não deverá ser influenciada pela mudança no Rio de Janeiro, a não ser que aconteça algo muito surpreendente.

Grande Vitória

Acredito que também não mude, embora o sistema não dê sinais de que seja influenciado por Curitiba. O sistema da Região Metropolitana de Vitória é similar ao de Aracaju (que, do contrário de Vitória, mantém a diversidade), sem separação entre os sistemas de ônibus da capital e da região metropolitana, o que lhe dá características peculiares. 

Recentemente trocou a sua pintura padronizada por uma mais chocha, descartando uma pintura que estava entre as mais belas do país. Provavelmente deve manter a padronização.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.