terça-feira, 28 de abril de 2015

Vip 4 e os novos chassis

Duas empresas resolveram surpreender e compraram CAIO Vip 4 com novos chassis de duas marcas que entraram para tentar furar o monopólio alemão da Mercedes-Benz e da MAN/Volkswagen: a italiana Iveco (braço de veículos pesados da FIAT) e a brasileira Agrale.

Ambas as empresas compraram muitos carros da cada marca, o que significa que não são para teste. São aquisições mesmo!

A Cambuí, que serve o município mineiro de mesmo nome adquiriu vários exemplares da carroceria com o chassis da Agrale MA 17.0, primeiro da marca feito para ônibus convencionais. A Agrale, para quem não sabe, faz muito sucesso no ramo de micro-ônibus.

A Capital do Agreste, de Caruaru, Pernambuco (que faz linhas interestaduais urbanas para cidades baianas vizinhas), surpreendeu ainda mais comprando vários carros da marca italiana Iveco, o recém lançado 17Os28. Só cometeu lamentável pecado de mudar a sua pintura, eliminando a belíssima de antes por uma chocha inspirada na pintura padronizada de Brasilia, a capital federal. Mas como os ônibus hoje tem que ter cara de táxi, fazer o quê?

Lembrando que a Iveco fez muito sucesso em Salvador, com a extinta empresa Barramar. Hoje a capital baiana infelizmente preferiu o monopólio alemão para base de suas novas aquisições.

Legal que venham mais marcas de chassis por aqui. Variações são bem vindas e estimulam o desenvolvimento tecnológico de todas, além de oferecer opções de escolha para a freguesia.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.